Orçamento sem compromisso.
Pagamento facilitado.

Clique Aqui

Dedetização de Ratos

Procurando por dedetização de ratos no Rio de Janeiro?

Saiba mais sobre essas pragas:

dedetizacao-ratosOs ratos são classificados pela sistemática – ciência que estuda a relação entre os organismos conforme sua classificação biológica – como roedores, isto é, animais da ordem Rodentia e, ainda, da família Muridae. Essa família, um setor da classe dos mamíferos, abrange os ratos, camundongos e ratazanas. São animais que possuem uma característica própria desse grupo: dentes incisivos. Além disso, podem ser caracterizados de acordo com alguns aspectos externos, como a coloração e o tipo da pelagem.

Habitat dos Ratos
Os ratos possuem hábito noturno. Isto significa que eles saem em busca de alimento somente durante a noite, uma vez que é o período mais fácil de obter alimento e menos perigoso também. Mais ainda, utilizam principalmente o tato, a audição e o olfato para a obtenção do alimento, uma vez que esses sentidos são mais aguçados do que a visão. Como eles têm várias habilidades físicas – nadar, subir em locais altos, saltar ou mesmo equilibrar-se em fios e cabos – eles conseguem obter alimento mesmo que esse esteja em locais de difícil acesso. Eles podem bloquear a respiração por até três minutos, permitindo a natação dentro de canos e esgotos.

Ciclo de Vida dos Ratos
Esses roedores possuem um ciclo de vida de 9 (nove) a 12 (doze) meses e com um período de gestação de aproximadamente 22 (vinte e dois) dias. A maturidade é atingida, por esses animais, após, no máximo, 3 (três) meses, isto significa que, apenas sessenta dias do dia do nascimento eles já estão aptos a se reproduzirem. As fêmeas dos camundongos têm em média seis ninhadas no ano, com 3 a 8 filhotes por ninhadas. Já as fêmeas dos ratos (preto e ratazana) têm até doze ninhadas por ano, com 7 a 12 filhotes por ninhada.

dedetizacao-brocasDedetização de Brocas

Brocas são pequenas larvas de besouros, sendo as mais comuns pertencentes à família Anobiidae e Lyctidae. Constantemente confundidas com cupins (Isópteros), as brocas (Coleópteros) diferenciam-se dos primeiros uma vez que ao invés de deixarem orifícios repletos de pó na forma de pequenos grândulos, deixam o material completamente corroído na forma de pó fino, como um talco. Leia mais

Abrir chat
Precisa de ajuda?